Atenção: habilite seu browser para o uso de Javascript!


Missões

Tempos de Apostasia

Por Dr. James Toner

Importante: antes de submeter este texto à impressão, clique em "Texto Integral",
ao final desta página, para não comprometer a divisão do texto em páginas na impressora.

Página 1 de 3
Ir para a página:   01   02   03   

Texto base: II Timóteo 3:1-5

“Sabe, porém, isto: Nos últimos dias sobrevirão tempos difíceis; pois os homens serão egoístas, avarentos, jactanciosos, arrogantes, blasfemadores, desobedientes aos pais, ingratos, irreverentes, desafeiçoados, implacáveis, caluniadores, sem domínio de si, cruéis, inimigos do bem, traidores, atrevidos, enfatuados, antes amigos dos prazeres que amigos de Deus, tendo forma de piedade, negando-lhe, entretanto, o poder. Foge também destes”- II Timóteo 3:1-5.

Introdução

Apostasia é muito mais do que a deserção de uma corporação da qual se pertencia. É o abandono da fé cristã depois de haver crido. É a profanação das coisas sagradas. É a irreverência contra a pessoa do trino Deus, que é digno de todo o respeito, todo o louvor, toda a adoração, toda honra e toda glória.

Em constantes viagens por várias cidades em diversos estados brasileiros, tenho visto como tem crescido as denominações evangélicas. Cada dia surge ali ou acolá uma nova placa de igreja, uma nova denominação, uma nova instituição religiosa, com os nomes mais exóticos. São igrejas independentes, e a maioria delas age com frieza e indiferença entre as demais. Além do mais, os frutos dessas igrejas são apenas numéricos e materiais. Geralmente, a maioria dos membros dessas novas igrejas são dissidentes de outros grupos, e de outras denominações. Nada mais, nada menos, são apóstatas de corporações religiosas.

Ministério Pastoral Moderno

“E ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres”- Efésios 4:11.

O que tem de apóstolos, bispos e pastores “auto-ungidos” e “auto-consagrados” na maioria das denominações evangélicas, é de causar admiração! Sem dúvida, dentro de pouco tempo surgirão os arcebispos, os cardeais, e outros graus superiores nesta incansável corrida por posições eclesiásticas mais elevadas.

Esses obreiros “auto-ungidos” não têm o direito de se intitularem ministros de Cristo, e muito menos ainda de bispos e apóstolos, ou enviados especiais de Deus; porquanto, muitos deles exercem influências deletérias nas igrejas, corrompendo os fiéis, desviando-os da singeleza do Evangelho, atraindo-os para o cerimonialismo e legalismo intolerante. Muitos desses pastores “auto-ungidos” são impostores, porque não possuem nenhuma qualificação para serem ministros. São semelhantes aos que existiam no tempo de Paulo: “Porque os tais são falsos apóstolos, obreiros fraudulentos, transformando-se em apóstolos de Cristo”- II Coríntios 11:13.

Conta-se a história de um bode empregado por uma companhia alimentícia de Nova Iorque, conhecido pelo nome de “Bode Judas.” Seu trabalho era o de escoltar as ovelhas que os barcos deixavam à beira do rio até ao matadouro. Esse bode trabalhava durante o dia enquanto houvesse ovelhas para serem conduzidas ao lugar da matança. Fazia nada menos do que dez viagens por dia. Calcula-se que durante a sua carreira conduziu quatro milhões e meio de ovelhas à morte. Era um bode branco, imponente, de boa aparência, que realizava com habilidade a sua macabra tarefa.

Os falsos bispos e pastores, por semelhante modo, são homens de boa aparência, atraentes, inteligentes, eloqüentes, encantadores, que poderão enganar com muita facilidade as ovelhas desprevenidas. A Escritura nos adverte a tomarmos cuidado com certos obreiros, porque muitos deles são fraudulentos, enganadores, falsos e traiçoeiros, que usam do Evangelho em busca de interesses pessoais e não a salvação dos pecadores.

A maioria dos ministros modernos assume o pastorado por interesse próprio, por dinheiro, visando fama e promoção pessoal. A sugestiva descrição metafórica de Judas 12-13 a respeito dos falsos obreiros, merece destaque: “Rochas submersas” – indica o perigo disfarçado que eles representam para a sociedade, assim como os recifes traiçoeiros cobertos pelas águas oferecem perigo para os navegantes. “Nuvens sem água” – denota vida de aparência, de hipocrisia, sem conteúdo, desprovida da palavra de Deus. “Árvores em plena estação de frutos, destes desprovidas” – demonstra mensagem enganosa, vazia e infrutífera. “Ondas bravias que espumam sujidades” – revela muita movimentação religiosa, muita correria, muito barulho, mas sem pureza, sem paz e sem frutos. “Estrelas errantes” – significa fora de órbita, afastado do caminho, longe da verdade, lâmpadas apagadas.

Mercadejando a Palavra de Deus

“Porque nós não estamos, como tantos outros, mercadejando a palavra de Deus; antes, em Cristo é que falamos na presença de Deus, com sinceridade, e da parte do próprio Deus”- II Coríntios 2:17.

Esses mercadejadores da Palavra de Deus são comparados por Paulo com os negociantes desonestos, os quais mediante truques e técnicas de venda tomam o dinheiro dos fregueses. São laboratórios que fazem pílulas de farinha de trigo; são fazendeiros que misturam água no leite; são comerciantes que possuem balanças falsas; são vendedores de rua que vendem frutas numa lata de 900ml amassada, como se fosse de um litro. A Escritura diz: “Não cometereis injustiça no juízo, nem na vara, nem no peso, nem na medida. Balanças justas, pesos justos, efa justo, e justo him tereis: Eu sou o Senhor vosso Deus, que vos tirei da terra do Egito”- Levítico 19:35-36. E Salomão concluiu: “Balança enganosa é abominação para o Senhor; mas o peso justo é o seu prazer”- Provérbios 11:1.

Paulo não costumava expor os melhores morangos na camada de cima a fim de esconder os piores nas camadas inferiores. Não exagerava o valor de sua mensagem, e nem degradava qualquer de suas verdades. Por semelhante modo, não usava o ministério como pretexto para ganhar dinheiro, nem para buscar prestígio, reputação e fama pessoal. Mas, unicamente para divulgar toda a verdade: “Porque jamais deixei de vos anunciar todo o desígnio de Deus”- Atos20:27.

A globalização do comércio pervertido e corrupto do mundo, influenciou as instituições religiosas com suas negociatas e seus novos ...


Texto Integral


Página 1 de 3
Ir para a página:   01   02   03   

Fonte: http://planeta.terra.com.br/arte/bereianos/



RecuarPara o alto


Exare suas ponderações
» Comentários até agora: 3.

Em 02/02/2012, às 22:26, Clayton P. Rodrigues, de Curvelo MG, ponderou:
Estou feliz por encontrar um bom texto sobre apostasia. Estarei estudando este texto para pregar em minha igreja no culto de doutrina. www.claytonwdg.blogspot.com
Em 10/11/2011, às 12:37, Célia Gomes Da Silva, de Brasilia, ponderou:
muito edificante esse texto, saber que realmente Deus reserva para si aquele que decide não dobrar os seus joelhos diante daquilo que não é Deus. São poucos , o remanescente , mais fiel a principal pedra de esquina, pedra angular,preciosa para os eleitos, que são guiados pelo Espírito da verdade cumprindo assim a bíblia quando diz, quem tem o Espírito não é enganado , nem confundido. Amém.
Em 04/04/2011, às 20:46, Gil, de Goiania, ponderou:
Quero apenas dizer que este texto edificou a minha vida em Cristo. Ele me levou a uma reflexão sobre a grande apostasia que já enfrentamos nas Igrejas Evangelicas Brasileira. Sou Pastor Presbiteriano e vejo com muita tristeza o esfriamento espiritual do povo de Deus. Satanás tem enganado a muitos cristãos infelizmente, mas sabemos que o remanescente fiel sobreviverá os tempos dificeis, mesmo tendo de enfrentar os ataques do maligno.
Obrigado pelo texto, Deus os abençoe ricamente em Cristo Jesus.

Comente o texto
Nome:  

Cidade:  

E-mail (não será publicado):  

Comentários:  

» Você pode digitar mais 1024 caracteres.
Digite a seguir o que você lê abaixo:  
9k5T24N


 

Importante: utilize este formulário para ponderar somente sobre o texto acima. Comentários sobre a nossa página devem ser postados na seção Contato.
Busca de Estudo Bíblico
Busca

DTM - Dicionário de Termos Militares
Termos, gírias e expressões da linguagem militar do dia-a-dia. Consulte:

Bíblia Online
Bíblia Online

Capítulo:    Versículo:

     
Palavra(s):

    
Interatividade
RSS Militar Cristão Militar Cristão no Facebook Militar Cristão no Twitter Assine abaixo o Boletim de Notícias
E-mail: