Atenção: habilite seu browser para o uso de Javascript!


Apologética

Maldição Hereditária

Por Pr. José Laerton

Importante: antes de submeter este texto à impressão, clique em "Texto Integral",
ao final desta página, para não comprometer a divisão do texto em páginas na impressora.

Página 4 de 4
Ir para a página:   01   02   03   04   

... mas que podem promover destruição pelos efeitos causados pela reação negativa e anti-bíblica de pessoas muito sensíveis.

Minha esposa (Carmita) diz algo muito sábio acerca de agressões verbais. Ela diz: "quem é dono de sua boca diz o que quer; eu sou dona dos meus ouvidos e escuto o que quero." Em resumo, as palavras humanas de maldição só terão poder em quem vier a escutá-las com temor, e venham a se deixar impressionar psicologicamente pelas mesmas. Vejamos Eclesiastes 7.21,22 – "Não apliques o coração a todas as palavras que se dizem, para que não venhas ouvir o teu servo amaldiçoar-te, pois tu sabes que muitas vezes tu tens amaldiçoado a outros."

Charles Spurgeon também aconselhava as pessoas a terem um ouvido surdo, e dizia: "Não dês o coração a todas as palavras ditas – não as leve ao coração ou não lhes dê importância, não atentes para elas, nem procedas como se as tivesse ouvido. Você não pode deter a língua das pessoas; portanto, a melhor coisa é deter os seus próprios ouvidos, e não ligar para o que digam. (Lições aos meus alunos – Pg. 174 – Publicações Evangélicas Selecionadas)

Outra mentira é dizer que as palavras de maldição têm poder em si mesmas. As palavras dos amaldiçoadores são como eles próprios: "vento" (ocas, vazias ou sem poder em si mesmas), porém voltarão para eles como um bumerangue, pois quem deseja o mal aos outros está desejando para si mesmo. – "Até os profetas não passam de vento, porque a palavra [de Deus] não está com eles; as suas ameaças [maldições] se cumprirão contra eles mesmos." Jr 5.13.

Ainda as palavras e as maldições dos prognosticadores ou profetas que não são inspirados por Deus são consideradas como PALHA – sem nenhum valor, ou possibilidade de se cumprir – Jr 23.28-31.

Aqueles que amaldiçoam o seu próximo estão ignorantemente se colocando em curso de colisão com a própria maldição que proferem, não porque as suas palavras tenham poder em si mesmas, mas porque Deus os fará colher a maldição que está plantando para outros. – "Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois tudo aquilo que o homem semear também ceifará." "Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam assim fazei-o vós a eles." (Gl 6.7; Mt 7.12).

Ainda é mentira dizer que o homem tem a prerrogativa de autorizar o diabo a cumprir maldição de suas palavras na vida de outros.

Aqui há uma inversão conceitual, pois conforme a Bíblia é a humanidade que "jaz no maligno" e não "o maligno jaz na humanidade". O mínimo que um homem pode fazer é "dar lugar ao diabo" em sua própria vida, ou seja, fazer ou dizer coisas que darão progressivo controle de Satanás sobre sua vida. Porém, a Bíblia nunca diz que podemos autorizar o diabo a executar maldições na vida de outros. (1 Jo 5.19; Ef 4.27).

Essa definição veio da feitiçaria e da bruxaria. Na feitiçaria lançar feitiço eqüivale a lançar malefício ou maldição de feiticeiro.

De fato, não há real base bíblica e teológica para as definições e práticas da maldição hereditária. Quando Jorge Linhares, Marilyn Hickey e outros defensores dessa heresia usam versículos da Bíblia, usam textos que falam do poder das palavras, e de maldições, mas tirando-os do contexto, manipulando-os e adulterando o sentido da Palavra de Deus, e, para apoiar a sua doutrina insustentável biblicamente, usam um grande número de supostos testemunhos, com interpretações subjetivas e falaciosas. O fato é que os textos usados por eles não dá respaldo à teoria humanista e mística da maldição hereditária da família defendida por eles e por muitos outros.


Texto Integral


Página 4 de 4
Ir para a página:   01   02   03   04   

Extraído do Jornal Fundamentalista - Publicação da União Bíblica Fundamentalista – UBF
Caixa Postal 567 – CEP: 60001-970 – Fortaleza – CE - fundamentalistas@uol.com.br
Transposto para o meio digital por Dawson Campos de Lima

Fonte: presbiterianismo.com.br (site atualmente fora do ar).




RecuarPara o alto


Exare suas ponderações
» Comentários até agora: 15.

Em 03/03/2013, às 23:54, Zilda Mendes, de São Paulo, ponderou:
Realmente esse assunto é muito polemico e temos de tudo, alguns que acreditam, muitos que não, outros que divagam e outros que não tem opinião. Eu tenho 60 anos de idade e vejo que a sabedoria está no meio termo. Levar tudo a ferro e fogo não se pode, mas que tem maldição hereditária tem sim... na realidade é uma habilitação dada a demônios para agir nas vidas! Claro que devemos todos os dias repreender e nos converter a Cristo! repreender o inimigo até que ele se convença que em nossas vidas ele não tem vez.
Em 11/04/2012, às 13:15, Marcelo, de Sao Paulo, ponderou:
estou em Jesus há mais de 3 anos, sou ativo no corpo de Cristo e digo há sim maldições hereditárias que não são quebradas na conversão a Jesus, principalmente se os descendentes não se converteram, mães solteiras se não quebrarem a maldição a filha(o) também será, as vezes isso acontece até com a mesma idade, adultério de pai, passa pro filho(a), maldições de palavras dos pais aos filhos, pois mesmo convertidos tem muitos cristãos que ainda amaldiçoam, sem contar que na Biblia há vários casos de maldição, leia deuteronomio 23,2, que fala dos bastardos e dos amonitas e moabitas(filhos do incesto de Ló), da maldição que dura até hoje dos descendentes de Noé. Porém tem que se deixar claro que mesmo a presença de maldições na vida de uma pessoa cristã, a sua salvação está garantida na conversão a Jesus pelo Seu sangue.
Em 29/02/2012, às 15:16, Claudionor Quaresma Martins, de São Gonçalo, ponderou:
Louvo a Deus por existirem varões comprometidos com a palavra de Deus e não com evangelho de terror e dominação. Porque a palavra de Deus é libertação em Cristo Jesus.
Em 18/01/2012, às 15:27, Rosana, de Balneario Piçarras, ponderou:
parabens! louvo a DEUS porque ainda ha homens e mulheres de DEUS nesta terra, dispostos a desmascarar os falsos ensinos dentro da assembleia do SENHOR. que DEUS os abençõe em nome de JESUS.
Em 26/03/2011, às 00:08, DINAH, de SP, ponderou:
A PARTIR DE AGORA ESTÁ QUEBRADA A MALDIÇÃO HEREDITÁRIA DE MINHA FAMÍLIA. TÁ AMARRADO PARA TODA ETERNIDADE EM NOME DE JESUS, AMEM. DEUS É FIEL
Em 18/12/2010, às 22:59, JSS, de SP, ponderou:
Cuidado, existem mais mistérios entre o céu e a terra que pode supor nossa vã filosofia.
Localizei este site por estar pesquisando o assunto. Vcs. sabem como é feito um ebó de magia negra contra uma famíliaele é feito com os aparatos que provavelmente vcs já conhecem e depois magnetizado(quando ficam firmando a maldade desejada),assim ele é duplicado no plano espiritual e e pode ficar girando em torno da pessoa (perispirito ou aura....) e descendentes séculos até que em momento de fraqueza a maldade é despejada. Este momento de fraqueza não seria exatamente um pecado, mas até um momento de sofrimento em que a fé da pessoa seja abalada. Dai talvez Jesus tenha ensinado: "orai e vigiai"
Em 13/11/2010, às 15:47, Enaldo Lima, de Manaus, ponderou:
Apenas quem viveu e quebrou em sua vida uma maldiçao hereditaria por pecados dos antepassados, sabe o quanto é serio esse assunto, eu posso me arrenpender por mim e a minha geraçao ser abençoada, mais eu tenho que quebrar sim maldiçoes, que foram autorizadas a entrar na minha vida. Foi o que aconteceu comigo o meu ministério só floresceu quando eu a maldiçao do adulterio e prostituiçao, que meu pai colocou.Desculpe nao fale o que vc nao sabe.
Em 06/10/2010, às 20:46, Celiomacabu, de Rio De Janeiro, ponderou:
achei queo tema vai se avançando através da palavra de Deus e a unção do lider pra em o nome de Jesus desfaser a maldição ,confessando e tendo o arrependimento
Em 16/08/2010, às 11:09, Pr Ricardo Guindane, de Rio De Janeiro, ponderou:
Olha acho muito enfático os argumentos sobre o assunto de maldições hereditárias, mas não podemos esquecer de Davi e o próprio Noé que amaldiçoou seu filho por todas as gerações.
Em 03/08/2010, às 19:07, Patricia, de Dourados, ponderou:
Apesar de existirem várias bobagens que são ditas a respeito da maldição hereditária,não devemos cometer o estúpido erro de ignorá-la,como se não existisse ou como se fosse anti-bíblico.Acredito que seja isso que o diabo queira,que não venhamos a nos preocupar com nossa família,com o passado dela e quais são as verdadeiras causas de tanto sofrimento.Uma coisa é eu ser convertida e ser nova criatura,estou livre de maldição,mas,e os meus demais familiares que ainda não têm Jesus,como ficam?Eles precisam sim de uma quebra de maldição e de libertação!Falo isso por experiência própria!O verdadeiro cristão é aquele que não se preocupa somente com seu umbigo,mas sim aquele que se importa com a salvação e conversão da sua família e dos perdidos!Paremos de criticar ,levantar polêmicas e estudos vãos,como os hipócritas e fariseus faziam!Pois é o Espírito Santo Quem nos convence do que é verdade e do que é mentira!É hora de agir em prol do reino e falar do amor de Jesus pra todos!Deus os abençoe...
Em 14/06/2010, às 21:02, Jorge L. R. Ch., de Goiania Go, ponderou:
estou começando a estudar este tema com mais atenção pois pretendo aplica lo em minha igreja. Já tenho uma opinião formada sobre o assunto mas ,dada o contato com tantas maldições nas famílias que ajudo ao SENHOR a cuidar é que estou com essa intenção . Estou certo de que Deus vai me ajudar a ajudá-los . aguardo retorno em nome do Senhor Jesus
Em 04/03/2010, às 13:52, Wagner, de São Paulo, ponderou:
Tenho acompanhado vários comentarios e conversado com pastores que acreditam e outros que não , diante de todas as explações , o mais coerente é crer que Cristo e suficientemente capaz de quebrar qualquer maldição , desde que aquele que aceitou Jesus como seu único Salvador , aceitou é crê sinceramente ,convém lembrar dos textos em Jr.31.29 Naqueles dias nunca mais dirão: Os pais comeram uvas verdes, e os dentes dos filhos se embotaram
Jr 31.30 Mas cada um morrerá pela sua iniqüidade; de todo o homem que comer as uvas verdes os dentes se embotarão.
Ez. 18:2 Que pensais, vós, os que usais esta parábola sobre a terra de Israel, dizendo: Os pais comeram uvas verdes, e os dentes dos filhos se embotaram?

Que Deus de dicernimento a todos que por heresia de ensinamento (Maldição Familiar/Hereditária) , tenham até então buscado
no vazio busquem no Senhor pois com ele somos benditos.
A Graça e a Paz de CristoJesus aos irmãos.
Em 28/12/2009, às 21:32, Cleber, de Campinas, ponderou:
A maldição hereditária se quebra com o arrependimento e a conversão genuínas a Jesus Cristo. Uma coisa é ser amaldiçoada, outra é oprimida pelo diabo. Tanto para uma quanto para outra a solução é ir a Cristo, e se entregar totalmente a ele, sem reservas. Não se preocupe, pois Jesus é Senhor, inclusive sobre os demônios. Deus te abençoe.
Em 28/12/2009, às 18:55, Vera Maia, de Rio De Janeiro, ponderou:
Como se quebra maldição hereditária? Já passaram-se mais de 17 anos que estou na presença do Senhor Jesus. Antes servia aos demônios.
Hoje em uma oração foi-se dito que havia maldição sobre minhas filhas e que elas morreriam aos 30 anos.
Sei que quando voce esta em Cristo, nova criatura e nehuma maldição há.
Me ajudem, por favor.
Excelente o texto.
parabéns.
Em 23/07/2009, às 10:08, Ronaldo Santana, de Teófilo Otoni - Mg, ponderou:
Muito bom, edificante.
parabéns.

Comente o texto
Nome:  

Cidade:  

E-mail (não será publicado):  

Comentários:  

» Você pode digitar mais 1024 caracteres.
Digite a seguir o que você lê abaixo:  
OD3U821


 

Importante: utilize este formulário para ponderar somente sobre o texto acima. Comentários sobre a nossa página devem ser postados na seção Contato.
Busca de Estudo Bíblico
Busca

DTM - Dicionário de Termos Militares
Termos, gírias e expressões da linguagem militar do dia-a-dia. Consulte:

Bíblia Online
Bíblia Online

Capítulo:    Versículo:

     
Palavra(s):

    
Interatividade
RSS Militar Cristão Militar Cristão no Facebook Militar Cristão no Twitter Assine abaixo o Boletim de Notícias
E-mail: